Divisão do Pará

11 de Dezembro de 2011. Plebiscito para criação dos estados de Tapajós e Carajás. Todos os eleitores paraenses podem votar. A partir de 13 de setembro, a propaganda no rádio e televisão vão começar. Custo do plebiscito: R$ 5 milhões. Antes, eu até acreditava que essa divisão não sairia, mas hoje já tenho minhas dúvidas se ela realmente vai acontecer. Assim como não tenho dúvidas do “rio” de dinheiro público para realizar a divisão, caso ela aconteça.

Comitês foram criados em prol da divisão, com debates sendo promovidos, pesquisas do IBOPE foram feitas com maior peso para a divisão do Estado (apesar da pesquisa ter sido feita em março). Sei que as condições das regiões que estão na frente prol divisão vivem uma realidade muito aquém do desejado, mas uma pequena ideia: se esse dinheiro, que vai ser gasto para fazer o plebiscito e para levantar a estrutura governamental dos novos estados, caso a divisão ocorra, fosse diretamente investido nas regiões? E olha que nem mencionei o dinheiro que será gasto para MANTER a estrutura governamental nos dois estados, vide nossa tão bem intencionada classe política (salvo alguns poucos “gatos pingados” que realmente nos orgulham).

Fonte: Blog do Gerson Nogueira e Espaço Aberto 1, 2 e 3

Anúncios

Sobre Maick Costa

Stay hungry, stay foolish

Publicado em 05/07/2011, em Política e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Comentaê

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s