Envie seu currículo (Linkedin)

Não deve mais ser novidade para as novas gerações engajadas nas redes sociais virtuais ou mídias sociais (que são virtuais). Aliás, deveria ser regra para toda e qualquer contratação. Para quem ainda acha que não deve se preocupar com o que escreve na intenet:

Senta-se a mesa, o candidato, trajado adequadamente para uma entrevista de emprego. Com aquele nervosismo característico quando se depara com novos desafios. O responsável pela área de RH da organização traz consigo o currículo do candidato e o profile do Linkedin desse candidato. Fala ao candidato que leu o blog dele e comenta o quanto as redes sociais virtuais mostram quem nós somos.

Pronto! Está instaurado que o responsável pelo RH daquela organização leu/lê o que você escreve na internet. E agora? Qual a avaliação que você faz sobre o que você escreve na internet? Você é bem visto ou não? Qual a avaliação que as pessoas fazem sobre suas opiniões expostas na web?

No seu profile do Linkedin você posta sobre o que? Mantém seus dados atualizados? É recomendado por pessoas que já trabalharam com você? Você posta sobre a sua área de atuação? Você posta sobre áreas de atuação que você gostaria de trabalhar? Você conecta sua conta do twitter no linkedin? Fala besteira no linkedin ou usa ele como deve ser usado, profissionalmente? Mantém os contatos organizados ou somente é mais uma rede social virtual para não ficar de fora das novas ondas? Conecta o seu blog no linkedin? O seu blog reflete a sua área de atuação? Participa de grupos no linkedin? Interage com eles? Interage com grupos que abordam temas de seu interesse profissional? Não se engane, tudo o que você escreve será relevante um dia, em algum momento da sua vida. Tanto positivamente quanto negativamente. Você pode criar uma expectativa que não irá atender, ou “mostrar” alguém que realmente não és. Reflita…

Se eu estiver sentado do lado do RH de uma organização e você estiver concorrendo a um cargo em minha empresa, pode ter certeza que estarei com o seu profile do linkedin impresso em minhas mãos e terei, ao menos algumas vezes, lido o que você escreveu/escreve na internet (blog, linkedin, facebook, twitter e afins…). Isso será relevante para minha organização. Poderei conhecer mais o candidato. Poderei conhecer mais sobre você.

Anúncios

Sobre Maick Costa

Stay hungry, stay foolish

Publicado em 10/10/2011, em Business, Web e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Comentaê

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s