Arquivos do Blog

Empresas e redes sociais

As marcas devem estar presentes nas redes sociais, mas sem serem frias e comerciais, e sim dispostas a dar a cara para bater.

Genaro Galli, coordenador dos cursos de pós-graduação da ESPM-Sul e palestrante da HSM Expo Management 2011

As empresas não devem utilizar as redes sociais para uma comunicação de mão única. As redes sociais devem ser utilizadas para interagir com os consumidores (seguidores, fãs, leitores e afins). Interagir, conversar. Isso é fundamental para entender o comportamento do consumidor. Entender suas necessidades e quem sabe até prever necessidades futuras. As empresas tem receio porque, com as redes sociais, o peso da balança de barganha saiu das mãos das empresas e passou para as mãos do consumidor. Pesquisas recentes no Estadão e na Folha deram conta de que reclamações no twitter são mais eficazes que o Procon. 8 mil vezes mais eficaz! É disso que as empresas tem medo. Essa “força” do consumidor que expõe as deficiências das empresas a todo mundo.

Assumindo um outro ponto de vista, as empresas tem de utilizar isso para um processo de melhoria contínua muito mais forte, muito mais eficiente. Com as redes sociais a empresa consegue fãs verdadeiros. Com as redes sociais a empresa conversa de verdade com os consumidores. As empresas tem de sair do seu pedestal, tornarem-se humildes (lógico, sem fazer TUDO o que os clientes querem, porque tem cliente que vai utilizar essa “força” e ser desleal) e serem cada vez mais competitivas.

Leia mais na HSM

Anúncios

Twitter, 200 milhões de tweets por dia

Em 2009, 2 milhões de tweets por dia

(como se cada brasileiro tuítasse 0,011 vezes por dia)

Em 2010, 65 milhões de tweets por dia

(como se cada brasileiro tuítasse 0,342 vezes por dia)

Em 2011, 200 milhões de tweets por dia

(como se cada brasileiro tuítasse 1,053 vezes por dia)

É impressionante o crescimento!

Impressionante!

Fonte: Twitter Blog

Rastreamento de encomendas

Opa! Olá pessoas! Faz tem que não venho aqui, né? Meu último post foi no dia após o meu aniversário, sobre o fatídico dia 7 de Abril e aquela tragédia no RJ. Desde lá, ritmo no mestrado ficou frenético e nem tive tempo de acompanhar outros blogs, de comentar, de pensar em posts mais elaborados. Nem de comer direito estou tendo tempo. A coisa aqui tá preta, com muita mutreta pra levar a situação que a gente vai levando de teimoso, de pirraça (parodeando Chico Buarque).

Desde meu último post, vejo que meu pequeno espaço aqui ainda tem recebido visitas constantes. Isso é legal! Comprova que pelo menos escrevi algo que as pessoas estão lendo, concordando ou não. O post que ainda gera muita visita é o sobre cotas raciais com 65 visualizações nos últimos 30 dias. Média de 2 visualizações por dia. Muito legal isso. =] Depois tento ver a média de tempo em que ficaram no blog para saberem se realmente estavam lendo o post. Aos meus amigos blogueiros, tenho todos os seus posts guardadinhos e prometo que vou lê-los com cuidado.

O que me trouxe hoje aqui foi outra coisa. Comprei um adesivo para colocar no MacBook. Um adesivo do Mestre Yoda (não tem uma imagem decente do adesivo, então quando ele chegar, posto aqui) no eBay. A encomenda vem de Singapura e eu queria um meio de rastrear o pedido, ainda em terras internacionais. O site dos Correios só começa a rastrear quando em solo tupiniquim, então procurei outro serviço. Encontrei no Tecnoblog um post sobre o Muambator  (o nome é sensacional) um serviço que rastreia sua encomenda, mesmo em terras internacionais, pois está integrado aos Correios, Hong Kong Post e China Post e ainda lhe avisa da mudança de status da sua encomenda, por e-mail, DM no Twitter, Fedd RSS e ainda por push no iPhone, já que o aplicatvo Pacotes está integrado ao serviço. Sensacional, não? Basta você se cadastrar e voilá…

Já me cadastrei e coloquei o código de rastreamento do produto comprado. Saiu de lá via Singapure Post. Vamos ver a funcionalidade do serviço. Vou utilizar o e-mail e o push no iPhone para receber as atualizações. O push para receber na hora e o e-mail para acompanhar a evolução em dias. No aplicativo para o iPhone, diz que somente o serviço dos Correios é suportado, mas pela integração com o Muambator, pode colocar o código desses dois outros serviços (Hong Kong Post e China Post) que funciona também. Coloquei o código da minha encomenda (Singapore Post) e ele rastreou. \o/